Eles e nós: as relações entre juventude, comunicação comunitária e mídias tradicionais.

Sábado (07/11)

18h - 19h

Hoje em dia, É possível falar da favela sem ir à favela? O senso do “Lugar de Fala” impulsionou as juventudes de origem popular a criarem seus próprios veículos de comunicação. Os jovens moradores de favelas e das ditas periferias da cidade, passaram, legitimamente, a reivindicar o protagonismo das narrativas de si, as histórias que eles contam e não mais as que contam por eles.

Quais as relações desses jovens com as suas representações na mídia tradicional e na publicidade? Como as novas tecnologias e as redes sociais contribuem para o fortalecimento desse processo de comunicação? Na internet todo mundo pode ser o tal “alguém”? São algumas das questões que os convidados poderão refletir neste encontro.

Mediador: Pablo Ramoz
Obs.: teremos tradutor de Libras

Conheça os participantes

Grabriela Nacor

Jornal Alô comunidade

Carla Siccos

CDD Acontece